A evolução da NIKECRAFT de Tom Sachs e os testes de desgaste que desafiaram o futuro “Mars yard”

Atualizado: 19 de ago. de 2021



Durante anos, o dia do artista Tom Sachs começou com uma xícara de café forte e uma série de exercícios, alguns físicos, outros em um teste de destreza manual. Esses exercícios funcionavam para focar o corpo e a mente nas tarefas em questão e, para os membros de seu estúdio, isso significava construir uma escultura.



O trabalho artístico de Tom Sachs tem variado de esculturas de bricolagem e móveis desconstruídos a interpretações em grande escala da missão da NASA Mars — mas aqui, mergulhamos na história da colaboração criativa de longa data de Sachs com uma das maiores marcas de artigos esportivos do planeta. Poucos projetos elucidam a filosofia "melhor é temporário" da NIKE, tão eficazmente quanto a iniciativa colaborativa em andamento NIKECRAFT.



Em maio de 2012, NIKE e Tom Sachs formaram uma parceria no NIKECRAFT mars yard — um sapato inspirado nas interações do artista com cientistas altamente especializados da NASA e projetado como equipamento de alto desempenho para a construção de seu programa espacial 2.0: a exposição Mars. As características especiais da primeira edição do mars yard incluíam solados emprestados da bota das forças especiais NIKE (SFB), com tecido vectran dos airbags do mars excursion rover e detalhes das galochas lunares Apollo.

Dessa dinâmica entre a estética DIY de Sachs e o amplo alcance da marca NIKE, nasceu uma coleção completa de objetos NIKECRAFT. Cinco anos depois, o NIKECRAFT mars yard foi relançado na versão 2.0, apresentando uma atualização de material informada pelo teste de longa duração de Sachs, a partir do original, que revelou algo inusitado. O sapato era, portanto, o resultado de ajustes contínuos — uma circunstância comum no trabalho de Sachs.


O aprendizado de Sachs fazendo, fabricando e testando deu continuidade ao desenvolvimento da galocha mars yard, em 2018. Usar a cobertura totalmente para cima, afasta partículas indesejáveis, enquanto enrolá-la para baixo torna os espaços internos mais aquecidos e confortáveis. Essa dualidade atendeu aos aborrecimentos de uma caminhada chuvosa em Nova York, bem como permitiu um desfile chique pelas ruas e no metrô, na semana da moda. como acontece com todos os trabalhos de Sachs, o mars yard overshoe equilibra a honestidade bruta dos materiais e da fabricação com o toque do artista.

Fonte: Designboom